Organização de Jovens Espíritas

Um mundo melhor OJE!

Sabemos que nas zonas mais inferiores o sexo acontece e de forma muito parecida com a que temos aqui na Terra. Como ele acontece e como o mesmo se dá nas camadas mais evoluídas:

Exibições: 1221

Responder esta

Respostas a este tópico

Sexo do ponto de vista gênero:

O livro dos espíritos:
200. Têm sexos os Espíritos?
“Não como o entendeis, pois que os sexos dependem da organização. Há entre eles amor e simpatia, mas baseados na concordância dos sentimentos.”

O Céu e o Inferno:
Não temos motivo para ser de natureza masculina ou feminina: - os Espíritos não se reproduzem. Deus criou-os como quis, e tendo segundo seus maravilhosos desígnios de dar-lhes a encarnação, sobre a Terra, subordinou-os aí às leis de reprodução das espécies, caracterizada pela junção dos sexos. Mas vós deveis senti-lo, sem mais explicação, que os Espíritos não podem ter sexo.
Nota - Sempre disseram que os Espíritos não têm sexo, sendo este apenas necessário à reprodução dos corpos. De fato, não se reproduzindo, o sexo ser-lhes-ia inútil. A nossa pergunta não visava confirmar o fato, mas saber, visto que o Sr. Sanson desencarnara recentemente, as impressões que guardava do seu estado terreno. Os Espíritos puros compreendem perfeitamente a sua natureza, porém, entre os inferiores, não desmaterializados, muitos há que se acreditam encarnados sobre a Terra, com as mesmas paixões e desejos. Assim, pensam eles que são ainda os mesmos que foram, isto é, homem o,' mulher, havendo quem por esta razão suponha ter realmente um sexo. As contradições a tal respeito são oriundas da graduação de adiantamento dos Espíritos que se manifestam, sendo o erro menos deles que de quem os interroga sem se dar ao trabalho de aprofundar as questões.

Apesar de falar do gênero, também podemos pensar a situação das práticas sexuais.
Pensando no ato sexual, sexo é troca de energias... e tanto nós, como os espíritos fazemos isso a todo momento. Em alguns livros são explícitas as práticas sexuais em umbrais. Pegando um gancho na palestra no encontro fraterno desse fds, nossa querida palestrante falava sobre esse assunto, que mesmo os espíritos superiores fazem sexo, mas não da forma como nós entendemos, aliás, pouco comparável . Pensamos ás vezes que o sexo está ligado apenas ao toque da carne, quando está muito mais efetivo no pensamento.

Por favor, pedimos auxílio se o grupo estiver equivocado... ^^
SEXO NA ESPIRITUALIDADE

Se pudéssemos ver os espíritos que se encontram nos prostíbulos, veríamos verdadeiros monstros. Os espíritos viciados em sexo se tornam mais feios que os viciados em drogas ou cigarros. Muitos espíritos viciados em sexo moram nos prostíbulos, nos motéis, nas zonas de meretrício. Ali eles aguardam a chegada dos encarnados para juntos praticarem suas orgias sexuais.

Na obra “Esculpindo o próprio Destino” estas cenas são descritas com mais perfeição. Citaremos um pequeno trecho:”Aquelas bruxas já não eram mais repugnantes. Ao contrário, a distorção de suas percepções o fazia identificá-las como exuberantes representantes do sexo oposto, provocadoras e instigadoras de sua volúpia.

Oliveira, então, entregou-se às antigas aventuras, as mesmas que vivera na Terra na companhia de jovens de carne e osso, cuja estética física era linda e extremamente agradável, mas que, em suas almas, os mesmos germens de desequilíbrio as tornavam muito semelhantes às entidades que ali estavam.”

Neste livro percebemos todos os tipos de anomalias sexuais que são praticadas no umbral. Os espíritos saem verdadeiramente esgotados, sem forças e sem ânimo para nada. As entidades parecem bonitas para elas, mas qualquer vidente teria imagens tenebrosas, pois são espíritos muito inferiorizados, muito animalizados. A questão sexual aí é apenas como orgia sexual, sem uma finalidade digna.

O livro “Nosso Lar” de André Luiz mostra o caso de Tobias que estava no outro mundo com suas duas mulheres. No plano terreno ele era casado com Hilda. Tiveram dois filhos e sua esposa veio a falecer. Tobias sofreu muito e resolveu desposar Luciana. Houve muita revolta por parte de Hilda a qual foi aconselhada por sua avó. Hilda concordou. Mais tarde retornam Tobias e Luciana e passaram a conviver juntos na mesma casa. Segundo Tobias “reconhecemos que entre o irracional e o homem há enorme série gradativa de posições. Assim, também, entre nós outros, o caminho até o anjo representa imensa distância a percorrer. Ora, como podemos aspirar à companhia de seres angélicos, se ainda não somos nem mesmo fraternos uns com os outros? Claro que existem caminheiros de ânimo forte, que se revelam superiores a todos os obstáculos da senda, por supremo esforço da vontade; mas a maioria não prescinde de pontes ou do socorro de guardiães caridosos. Em vista dessa verdade, os casos dessa natureza são resolvidos nos alicerces da fraternidade legítima, reconhecendo-se o verdadeiro casamento é das almas e essa união ninguém poderá quebrantar. Informa a esposa Hilda que ela se casou na terra com Tobias devido afinidades espirituais. Eram portanto duas almas que se amavam verdadeiramente no matrimônio.

André Luiz sentindo maiores necessidades de explicações procurou a senhora Laura que procurou satisfazer o nosso irmão. Ela disse para ele que: “ precisamos compreender o espírito de seqüência que rege os quadros evolutivos da vida. Se atravessamos longa escala de animalidade, é justo que essa animalidade não desapareça de um dia para outro. Empregamos muitos séculos para emergir das camadas inferiores. O sexo participa do patrimônio de faculdades divinas, que demoramos a compreender.”

Allan Kardec em “O livro dos Espíritos” pergunta: Questão n. 200 - “Os Espíritos têm sexos”? Não como entendeis pois, os sexos dependem do organismo. Entre eles há amor e simpatia baseados na identidade de sentimentos.” Há portanto uma afinidade muito grande entre os espíritos. O espírito, logo que desencarna mantém o seu perispírito com a última roupagem na terra. Se ele foi homem - continua no mundo espiritual como homem, se foi mulher - continua como mulher. Só os espíritos muito evoluídos pode assumir outras roupagens anterior ou formar uma nova. É assim que vemos em nossos centros as comunicações de um espírito masculino ou feminino. É também uma maneira deles se mostrarem conhecidos aos encarnados.

Ainda na obra “Nosso Lar” há uma passagem interessante a respeito de noivados e casamentos. Em dado momento Lísias diz a André Luiz: “Finalmente, vai você conhecer minha noiva, a que tenho falado muitas vezes a seu respeito”. André Luiz fica intrigado com isto e pergunta se lá também existem tais coisas. Como não, diz Lísias: “Vive o amor sublime no corpo mortal, ou na alma eterna? Lá, no círculo terrestre, meu caro, o amor é uma espécie de ouro abafado nas pedras brutas. A passagem mais bonita é a que ele diz em seguida: “O noivado é muito mais belo na espiritualidade. Não existem véus de ilusão a obscurecer-nos o olhar. Somos o que somos. Lascínia e eu já fracassamos muitas vezes nas experiências materiais. Devo confessar que quase todos os desastres do pretérito tiveram origem na minha imprevidência e absoluta falta de autodomínio. A liberdade que as leis sociais do planeta conferem ao sexo masculino, ainda não foi devidamente compreendida por nós outros. Raramente algum de nós a utiliza no mundo em serviço de espiritualização. Amiúde, convertemo-la em resvaladouro para a animalidade. As mulheres, ao contrário, têm tido, até agora, a seu favor, as disciplinas mais rigorosas. Na existência passageira, sofrem-nos a tirania e suportam o peso das nossas imposições: aqui, porém, verificamos o reajustamento dos valores. Só é verdadeiramente livre quem aprende a obedecer. Parece paradoxo e, todavia, é a expressão da verdade. Em seguida continua: (...) Lascínia e eu fundaremos aqui, dentro em breve, nossa casinha de felicidade, crendo que voltaremos à Terra precisamente daqui a uns trinta anos.

Muitos casais fazem este pacto na espiritualidade. Os planos são elaborados lá e aqui na terra são postos em prática. Acontece que a falta de religiosidade, a incompreensão, a vaidade, o orgulho, a ignorância faz com que muitos assumem planos diferentes, ficando adiado os planos elaborados anteriormente.

A pessoa que também casa e descasa a todo e qualquer momento vai trazer graves conseqüências para o futuro. Ninguém veio à terra para se casar com um e com outro. Há pessoas que já se casaram com 20 pessoas diferentes. Num país onde reina monogamia, isto é inaceitável. Esta pessoa não está nenhum pouco preparada para assumir um casamento e acha que isto é um verdadeiro passatempo. Não se pode brincar com coisas sérias, aliás seríssimas.

Pelo que vemos o casamento no mundo espiritual não é para se pôr em prática a parte sexual, que nem existe mais nos espíritos superiores. Os dois se juntam para melhor elaborar a pauta de trabalho que vai executar no plano terrestre. É como se fosse um encontro de trabalho entre dois executivos: vamos conviver juntos para fazermos isto e isto e mais aquilo, para sanar nossas dívidas, angariar alguns pontos mais a nosso favor, sermos pais de fulano, fulana, sicrano, etc, e tal.

Encontramos um bom texto explicativo sobre sexo no mundo dos espíritos na revista Cristã de espiritismo.

“Próximo à crosta terrestre está localizado o Umbral que abriga os Espíritos com o teor vibratório muito baixo. Devido à sua condição de pouca evolução moral, no umbrífero eles mantêm relações sexuais com outros seres, em clima de vampirização. Por outro lado, há uma situação preocupante com os encarnados que têm o pensamento fixo em sexo. O que pode criar uma ligação entre os desencarnados que estão nesta sintonia.

Durante o sono, é comum os encarnados se desprenderem do corpo físico e irem para o Mundo Espiritual encontrarem-se com Espíritos afins, desencarnados ou encarnados, em lugares onde podem harmonizar suas mentes. No entanto, alguns encarnados vão à procura de sexo em esferas de mais baixa vibração. Isto acontece por meio de uma simples mentalização de encarnado para encarnado ou de encarnado para desencarnado, capaz de estabelecer uma faixa vibratória que os conduzirá para estes locais. Quando se trata de uma mentalização de desencarnado para encarnado, ela ocorre se estiverem na mesma faixa vibratória porque a pessoa mantendo uma conduta moral, cristã e mentalização elevada, onde prevalece o trabalho caridoso, essas entidades não conseguirão vampirizar o encarnado.

Esses Espíritos se encontram no Vale do Sexo do Mundo Espiritual ou em lugares do Mundo Material onde a prática da prostituição é intensa ou de vibração negativa. Nesse vale, o encarnado é diferenciado pelo desencarnado pelo cordão fluídico que o liga ao corpo físico. Quando a pessoa desperta de seu sono, não lembra dos acontecimentos, mas sua mente guarda o registro de uma sensação indefinido. Algo idêntico acontece com indivíduos que têm uma vida dupla, isto é, uma conduta social durante o dia, mas à noite para saciar os seus desejos carnais, freqüentam locais cuja energia é a mesma do vale do sexo.

Mesmo numa relação conjugal, em que deve haver uma cumplicidade que inclui o sexo, além do apoio mútuo, se uma das partes sentir-se rejeitada ou mal amada, acabará procurando satisfação em esferas mais baixas, que podem estar no campo material ou espiritual. Portanto o sexo deve ser visto como uma obra de Deus, e nós devemos saber utilizar essas energias como um bem divino e não como um desejo animalesco que nunca está satisfeito, à procura de novos encontros tanto em um Mundo quanto no outro. Ele é uma força poderosa que existe no organismo espiritual que, se liberada indiscriminadamente, pode levar o ser humano à desilusão, à loucura, provocando graves enfermidades.

O Espírito iluminado de Emmanuel, no livro Vida e Sexo, psicografado por Chico Xavier, escreve a seguinte mensagem: “A energia sexual, como recurso da lei de atração, na perpetuidade do Universo, é inerente à própria vida, gerando cargas magnéticas em todos os seres, à face das potencialidades criativas de que se reveste”.

André Luiz em Ação e Reação, também psicografado por Chico Xavier, escreve com sabedoria: “Examinando como força atuante da vida, à face da criação incessante, o sexo, a rigor, palpitará em tudo, desde a comunhão dos princípios subatômicos à atração dos astros porque, então, expressará força de amor, gerada pelo amor infinito de Deus”.

As mensagens acima revelam quanto o sexo é importante para nossas vidas e evolução espiritual. Trata-se de uma energia que dosada e centralizada, deve ser canalizada para uma vida em comunhão com o bem e psiquicamente tranqüila.

Pesquisa realizada pela Unesco e divulgada pela revista Veja, indica que os jovens, atualmente, começam a ter uma vida sexual precoce: as meninas aos 15 anos e os meninos 14. Outro dado relevante é que normalmente a primeira relação não foi com o namorado e sim com um “ficante”, ou seja, um desconhecido, praticamente. No que se refere à gravidez, um levantamento feito pela Universidade Federal de São Paulo revela que nascem cerca de um milhão de bebês, por ano, de mães solteiras entre 15 e 19 anos. E que de cada 100 adolescentes que engravidam sem um planejamento, 25 já têm pelo menos um filho.

Os números colocados acima são de vital importância porque nos dão uma visão da vida sexual dos jovens no planeta. “Sabemos da importância dessa relação, daí a nossa preocupação de não vermos o ato sexual como uma necessidade carnal e sim como algo sublime que nos proporciona o amor sincero, a família, o prazer de viver, de sentir-se bem, de evoluir.”

Obs: Partes deste texto foi retirado do original publicado na Revista Cristã de Espiritismo, edição nº 20, ano 2003.
Fonte: http://www.artigonal.com/religiao-artigos/sexo-na-espiritualidade-1...
nossa essa pra mim é novidade
tipo é meio "estranho "nao seria o termo certo
é algo diferente eu acho , nao sabia que era possivel
me surpreendi ...
Não existe sexo na espiritualidade.

Se todos os livros que se afirmem espírita soltarem uma pérola dessas, livro espírita não é, te garanto......
Os espíritos se unem por laços de amor, pelo menos nas zonas superiores.
Acho que não vou acrescentar muito ao que já foi dito, mas aí vai minha humilde resposta

O sexo existe na Terra com a finalidade de reproduzir e perpetuar as espécies. Como os espíritos são criações de Deus, como está citado no "Ceu e o inferno" então logicamente não há necessidade de sexo nos planos superiores. Pois os espíritos nesses planos são desprovidos da carne e de suas fraquezas, o que não acontece com os irmãos nos umbrais por exemplo, que mesmo desencarnados ainda dependem dos vícios terrenos.
Existe então trocas de sentimento entre os espíritos superiores, mas nada comparado ao que nós chamamos sexo .
Em "Fundação Emmanuel" pelo Espirito de Inácio Ferreira, o qual foi diretor do Sanatório Espírita de Uberaba por muitos anos, ditado ao médium Carlos A. Baccelli, acompanhamos dentre as inumeras situações, um casal que esperam ansiosos pelo bebê que estáva por vir.
Explicando a necessidade que um Espírito que se encontra numa esfera Superior necessita passar por etapas de adaptação perispiritual para reencarnar na Terra por qualquer propósito que seja. O "pai" da "criança" era o neto da criança, ou seja, quem estava por "re-perispiritualizar" por assim dizer, era o avô do rapaz que seria pai. Estavam felizes por estarem ajudando ao senhor já bastante espiritualizado uma nova oportunidade, em etapas é claro, de reencarnar na Terra.

Em uma outra obra precedente a esta, do mesmo autor espiritual, ele nos relata a gravidez de sua gata de estimação...

______________________________________________________________________________

Quem aqui assistiu o filme "Chico Xavier" deve se lembrar da parte em que ele fala da banalização do ato do sexo no programa "Pinga Fogo".
" Nas potencialidades degustativas do homem, seria o sexo, sem suas várias manifestações, sentenciado às trevas?"

Bem gente, na minha opinião sim... Existe sexo do lado de lá..

Que fim didático Kardec perguntaria isso diretamente aos Espíritos?

Como alguns amigos acima deram exemplos nas obras de Kardec, ressalto que já nos foi dito que muito nos seria dito, mas tudo ainda não.

A humanidade ainda não compreenderia algumas informações devido ao seu nivel de adiantamento.
Se não sermos mais maleáveis e estudar com o coração também, ficaremos travados no tempo. Seríamos fariseus e saduceus defendendo o pé da letra.

Se a doutrina é a Consolação prometida, lembremos das palavras de Jesus quando disse:

Não penseis que eu tenha vindo destruir a lei ou os profetas: não os vim destruir, mas cumpri-los: - porquanto, em verdade vos digo que o céu e a Terra não passarão, sem que tudo o que se acha na lei esteja perfeitamente cumprido, enquanto reste um único iota e um único ponto. (S. MATEUS, cap. V, vv. 17 e 18.)

Então muitos espíritos que nos trazer suas experiências do lado de lá (nao todos) não pretendem destruir o que já temos e sim, pouco a pouco, falar o que, na época, não nos podia ser dito.


Abraço a todos ! =)
A questão é deverasmente polêmica e acredito sim que haja sexo no plano espiritual, o problema é que sempre queremos comparar com a Terra, acredito que não seja como aki, onde buscamos satisfazer nossos instintos, nossos prazeres, é algo que transcende a nossa compreensão, como diz sempre Dr. Inácio em seus livros, que ainda não temos capacidade de compreender totalmente o plano espiritual. Estou lendo o Livro Fundação Emmanuel que relata o caso da gestação, que é muito interessante. Porque não poderia existir? Aki não é a cópia de lá? Parte-se do princípio que tudo que existe aki, no plano espiritual tb existe. Aliás, o contrário, tudo que existe lá(no plano espiritual), existe aki na Terra, de maneira imperfeita. Já li outros tantos livros do Dr. Inácio e, não vejo porque duvidar, acho q é mais cômodo não acreditarmos, porque assim, criaremos escusas em nossas consciências.

Pablo Hernandes Soares disse:
Depois de tanto tempo sumido do OJE, heis que retorno!
Uma vez eu estava pensando, introspectivo em minhas reflexões, e me questionei a respeito da desmaterialização do corpo material à medida que o Espírito evolui. Vou explicar: à medida que o Espírito evolui o corpo material se torna menos denso, da mesma forma como o corpo espiritual, razão pela qual não percebemos vida em outros planetas próximos a nós devido à nossa baixa escala evolutiva. O planeta também acompanha esta evolução e desmaterializa pouco a pouco até que em um estado puro ele se desintegra e suas partículas vão formar outros mundos pelo Universo a fora.
Mas como seria isso? Daí, sem conhecer os ditos do polêmico dr. Inácio, pensei sobre a possibilidade de haver encarnação no Mundo Espiritual e que na verdade iríamos abandonando este corpo material à medida que evoluímos para ficarmos apenas na dimensão espiritual, já que aqui é uma mera cópia de lá. Ou seja, prosseguiríamos nossa evolução ainda sob a lei da reencarnação, mas agora numa dimensão mais espiritual, o que equivaleria ao plano, por exemplo de Nosso Lar.
Esta idéia me pareceu até lógica no momento, mas seria um passo muito grande afirmar algo desta natureza. Eu não vejo impossibilidade com relação a isso. O perispírito ainda é um grande mistério. De repente, os tais corpos astrais sejam diferentes estados de vibraçao do perispírito, indo desde um estado grosseiro como é o caso dos Espíritos Inferiores, até um estado de luz que vem a ser os Espíritos Puros.
Eu não tenho nada conclusivo com relação a esta idéia, mesmo porque o Dr. Inácio ou o Espírito que assina usando o nome dele, apenas provoca polêmicas e não faz como André Luiz e tantos outros que enviam mensagens que instruem e confortam ao mesmo tempo. Este Dr. Inácio apenas coloca o tema, não desenvolve, diz que é assim e ponto final! Não explica ou dá mais detalhes, se usando até diversas vezes de um sarcasmo e desrespeito em relação à precaução de muitos espíritas sobre as obras dele. Eu mesmo já li 3 livros de sua autoria, inclusive um cujo título é Reencarnação no Mundo Espiritual, e sinceramente não me agradou nenhum pouco pela pobreza de linguagem e detalhamento. Ele apenas cita um ou dois supostos casos que ocorreram no além.
Por isso, cuidado com determinados livros e revelações. Façamos como Kardec, aguardemos o futuro antes de espalharmos certas novidades, principalmente sem uma análise racional, lógica e com bom senso.
Reencarnar no Plano Espiritual parece ser possível, mas esta idéia gera uma série de questionamentos e contradições que a tornam demasiadamente duvidosa. Sexo no Além-Túmulo sabemos que há, porém as notícias que temos, como já se referiram anteriormente, é apenas sobre criaturas ainda ignorantes e presas à materialidade em detrimento dos sentimentos.
Aguardemos mais notícias do lado de lá e prossigamos com nossos estudos e aprendizado!
Abraços

Douglas Camargo disse:
Em "Fundação Emmanuel" pelo Espirito de Inácio Ferreira, o qual foi diretor do Sanatório Espírita de Uberaba por muitos anos, ditado ao médium Carlos A. Baccelli, acompanhamos dentre as inumeras situações, um casal que esperam ansiosos pelo bebê que estáva por vir.
Explicando a necessidade que um Espírito que se encontra numa esfera Superior necessita passar por etapas de adaptação perispiritual para reencarnar na Terra por qualquer propósito que seja. O "pai" da "criança" era o neto da criança, ou seja, quem estava por "re-perispiritualizar" por assim dizer, era o avô do rapaz que seria pai. Estavam felizes por estarem ajudando ao senhor já bastante espiritualizado uma nova oportunidade, em etapas é claro, de reencarnar na Terra. Em uma outra obra precedente a esta, do mesmo autor espiritual, ele nos relata a gravidez de sua gata de estimação...
______________________________________________________________________________

Quem aqui assistiu o filme "Chico Xavier" deve se lembrar da parte em que ele fala da banalização do ato do sexo no programa "Pinga Fogo".
" Nas potencialidades degustativas do homem, seria o sexo, sem suas várias manifestações, sentenciado às trevas?"

Bem gente, na minha opinião sim... Existe sexo do lado de lá..

Que fim didático Kardec perguntaria isso diretamente aos Espíritos?

Como alguns amigos acima deram exemplos nas obras de Kardec, ressalto que já nos foi dito que muito nos seria dito, mas tudo ainda não.

A humanidade ainda não compreenderia algumas informações devido ao seu nivel de adiantamento.
Se não sermos mais maleáveis e estudar com o coração também, ficaremos travados no tempo. Seríamos fariseus e saduceus defendendo o pé da letra.

Se a doutrina é a Consolação prometida, lembremos das palavras de Jesus quando disse:

Não penseis que eu tenha vindo destruir a lei ou os profetas: não os vim destruir, mas cumpri-los: - porquanto, em verdade vos digo que o céu e a Terra não passarão, sem que tudo o que se acha na lei esteja perfeitamente cumprido, enquanto reste um único iota e um único ponto. (S. MATEUS, cap. V, vv. 17 e 18.)

Então muitos espíritos que nos trazer suas experiências do lado de lá (nao todos) não pretendem destruir o que já temos e sim, pouco a pouco, falar o que, na época, não nos podia ser dito.


Abraço a todos ! =)
Concordo com absolutamente tudo que minha amiga Cintia disse...
como todos nos sabemos, ainda somos imperfeitos demais para compreender como as coisas realmente acontecem (As vezes penso que se Jesus voltasse hoje, ele ainda falaria por parabolas, ja que nao teriamos condiçoes de entende-lo de outro modo). O fato certo e compravado é que nos nao mudamos absolutamente nada so pelo simples fato de desencarnarmos, continuamos com a mesma evoluçao moral, e temos as mesmas impressoes fisicas de sempre , calor, frio, fome e consequentimente precisamos ir ao banheiro, de curto modo, se nos cortamos, sairá sangue!!!
O perispirito é responsavel pela organizaçao da nossa materia enquanto encarnado, ele possue as mesmas caracteristicas que o nosso corpo, ou melhor, o nosso corpo possui as mesmas caracteriscas que o perispirito. Celula por celula, orgao por orgao, cada um corserva as mesmas funçoes que possuiam!
Duvidar da possibilidade de existir encarnaçao no plano espiritual (que na verdade nao deixa de ser material tambem), Seria duvidar da Capacidade de Deus!!!Ha muito mais coisas entre o Ceu e a Terra do que podemos imaginar...
Na minha opiniao é possivel sim acontecer encarnaçao no plano espiritual...
Ponto pro Dr. Inacio que colaborou com a divulgaçao de tal informaçao vinda do Alem...
já li varios livros dele e nao encontrei nada que fosse contra o que Kardec nos ensina...

essa é minha opiniao!!! Se eu estiver errado um dia eu saberei, ja que nosso destino é a perfeiçao...XD

abraço a todos...
Cinthia, tudo bem?
Também li muitos livros do Dr. Inácio entretanto quanto tomamos por verdade livros que não condizem com o Controle Universal dos Ensinamentos dos Espíritos é meio precipitado.
Temos logo na introdução do Evangelho a citação de Kardec quanto a "novidades" vindas do plano espiritual.
Tomar ao pé da letra "esse nosso mundo é a cópia de lá" é estacionar na evolução intelectual.
Segundo o amigo dos analfabetos (no caso eu), o famoso dicionário, nos diz o seguinte:
Filosofia (do grego Φιλοσοφία: philos - que ama + sophia - sabedoria, « que ama a sabedoria ») é a investigação crítica e racional dos princípios fundamentais relacionados ao mundo e ao homem.

Quer agua límpa, vá até a fonte. Quer espiritísmo, vá até as obras básicas.

Lembrando a parte da resposta do nosso amigo Pablo,
Eu não tenho nada conclusivo com relação a esta idéia, mesmo porque o Dr. Inácio ou o Espírito que assina usando o nome dele, apenas provoca polêmicas e não faz como André Luiz e tantos outros que enviam mensagens que instruem e confortam ao mesmo tempo. Este Dr. Inácio apenas coloca o tema, não desenvolve, diz que é assim e ponto final! Não explica ou dá mais detalhes, se usando até diversas vezes de um sarcasmo e desrespeito em relação à precaução de muitos espíritas sobre as obras dele. Eu mesmo já li 3 livros de sua autoria, inclusive um cujo título é Reencarnação no Mundo Espiritual, e sinceramente não me agradou nenhum pouco pela pobreza de linguagem e detalhamento. Ele apenas cita um ou dois supostos casos que ocorreram no além.

Cinthia, eu acreditava da mesma forma... Mas prefiro não ter uma opinião final já que não há concordância em outras obras de outros espíritos. Pode até comparar as respostas que dei no começo, e essas de agora...
Abraços

A crítica é o caminho mais certo até a possível verdade.
A dúvida é o caminho mais seguro até a sabedoria.
Beleza, mas não achei até agora nada que contradiga as obras básicas nas obras do Dr. Inácio. Concordo que não devemos aceitar tudo por verdade sem questionamentos, mas também não concordo que devamos nos achar acima da verdade, qdo digo, nos achar, falo da Humanidade como um todo. Nada de animosidades entre nós. Ok? A discussão fomenta a compreensão.Temos um exemplo clássico do Roustainguismo. Você concorda quando ele diz que Jesus tinha um corpo fluídico? Acho que no mínimo temos que analisar com ressalvas. Dr. inácio tb não é dono da verdade e, se não for, pelo menos devemos dar a ele o crédito de possibilitar-nos raciocinar a nossa fé. E ai eu questiono se as Obras Básicas são absolutas ou, se são suscetíveis de modificações. Acha que serão sempre atuais? Eu sei que para muitos pode parecer que a Codificação de Kardec já contém o essencial e que não pode ser mudada. Mas acredito em sua mudança a cada leitura, com cada interpretação que fazemos, é assim em tudo. Vale lembrar que o próprio Kardec em Óbras Póstumas diz que a verdade não viria apenas por um homem e que não podemos cair novamente no erro de ficarmos estacionados. Será que o complemento dessa verdade viria apenas com Chico Xavier?
Bjux

Douglas Camargo disse:
Cinthia, tudo bem?
Também li muitos livros do Dr. Inácio entretanto quanto tomamos por verdade livros que não condizem com o Controle Universal dos Ensinamentos dos Espíritos é meio precipitado.
Temos logo na introdução do Evangelho a citação de Kardec quanto a "novidades" vindas do plano espiritual.
Tomar ao pé da letra "esse nosso mundo é a cópia de lá" é estacionar na evolução intelectual.
Segundo o amigo dos analfabetos (no caso eu), o famoso dicionário, nos diz o seguinte:
Filosofia (do grego Φιλοσοφία: philos - que ama + sophia - sabedoria, « que ama a sabedoria ») é a investigação crítica e racional dos princípios fundamentais relacionados ao mundo e ao homem.

Quer agua límpa, vá até a fonte. Quer espiritísmo, vá até as obras básicas.

Lembrando a parte da resposta do nosso amigo Pablo,
Eu não tenho nada conclusivo com relação a esta idéia, mesmo porque o Dr. Inácio ou o Espírito que assina usando o nome dele, apenas provoca polêmicas e não faz como André Luiz e tantos outros que enviam mensagens que instruem e confortam ao mesmo tempo. Este Dr. Inácio apenas coloca o tema, não desenvolve, diz que é assim e ponto final! Não explica ou dá mais detalhes, se usando até diversas vezes de um sarcasmo e desrespeito em relação à precaução de muitos espíritas sobre as obras dele. Eu mesmo já li 3 livros de sua autoria, inclusive um cujo título é Reencarnação no Mundo Espiritual, e sinceramente não me agradou nenhum pouco pela pobreza de linguagem e detalhamento. Ele apenas cita um ou dois supostos casos que ocorreram no além.

Cinthia, eu acreditava da mesma forma... Mas prefiro não ter uma opinião final já que não há concordância em outras obras de outros espíritos. Pode até comparar as respostas que dei no começo, e essas de agora...
Abraços

A crítica é o caminho mais certo até a possível verdade.
A dúvida é o caminho mais seguro até a sabedoria.
Com certeza nâo, mas será porquê motivo a idéia de gravidêz no plano espiritual viria apenas do médium Carlos A. Baccelli?
Por isso mencionei a introdução do ESE que contém o "CUEE" (controle universal dos ensinamentos dos espíritos).
Nele Kardec, em outras palavras, mencionou os surgimentos de novas informações, ora verdadeiras, ora falsas, e poderíamos distingui-las com a concordância de informações recebidas de outros médiuns, estranhos uns aos outros, que auntênticariam a boa nova.
Será que há algum outro médium que teria, por seu intermédio, algum livro ou mensagem que condiziria com as idéias do espírito Inacio ou pelo que assina por ele?

Li e leio obras escritas por estes espíritos através deste médium e muita coisa eu tiro de bom, muitos exemplos e elucidações. Mas acho válido filtrar muita coisa e o que for dúvida devemos, creio eu, apostá-las como possibilidades ou impossibilidades e nunca como verdades já que não somos os donos dela.

Abraços Cintia,
Ah, e deixo aqui a proposta de tópicos semelhantes a este assunto
Autênticidade da Comunicação dos Espíritos
http://organizacaojovensespiritas.ning.com/forum/topics/autenticida...
CUEE - Controle Universal dos Ensinos dos Espíritos
http://organizacaojovensespiritas.ning.com/forum/topics/cuee-contro...

Responder à discussão

RSS

A OJE foi criada com o ideal da união de jovens espíritas, sua sede é em Uberlândia-MG onde trabalhamos para união de mocidades da cidade.

Badge

Carregando...

Notas

Confira os destaques do Movimento Espírita na Europa

Criado por Redação OJE 25 Jul 2010 at 19:11. Atualizado pela última vez por Redação OJE 25 Jul, 2010.

Filme "Nosso Lar" leva às telas o famoso livro de Chico Xavier

Criado por Redação OJE 25 Jul 2010 at 18:44. Atualizado pela última vez por Redação OJE 25 Jul, 2010.

© 2019   Criado por OJE.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço